Vigilância Epidemiológica realiza mobilização na semana de combate à dengue em Barra Velha


Atividades serão desenvolvidas nas escolas e principais avenidas do município O mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, vem sendo combatido dia-a-dia pelo poder público em parceria com a população. Para promover o combate efetivo do inseto, a Vigilância Epidemiológica de Barra Velha vai realizar uma mobilização a partir de segunda-feira (23). Entre as ações propostas estão mutirões de limpeza em pontos estratégicos da cidade, atividades educativas nas

escolas municipais e distribuição de panfletos nas principais avenidas contendo informações sobre o enfrentamento ao Aedes Aegypti. Os profissionais de saúde vão verificar a presença de focos do Aedes em vasos de plantas, jardins, bueiros e ralos, por exemplo, eliminando possíveis criadouros nas unidades. Além disso, os profissionais também vão convidar a comunidade para receber orientações sobre prevenção, com dicas de como eliminar os focos, fazer descarte correto do lixo, entre outras medidas. A ideia é que, a partir da informação que se recebe, toda a sociedade seja orientada sobre como agir para enfrentar o mosquito, em uma ação continuada. De acordo com o Ministério da Saúde, de janeiro a setembro de 2017, foram notificados 219.040 casos prováveis de dengue em todo o país, uma redução de 84,8% em relação ao mesmo período de 2016 (1.442.208). Com relação ao número de óbitos, também houve queda significativa (87%), reduzindo de 678 óbitos em 2016 para 88 em 2017. Da mesma forma, são os registros de dengue grave e com sinais de alarme que caíram 79,2% e 77,7%, respectivamente, de um ano para outro. Dengue grave diminuiu de 885, em 2016, para 184 em 2017. Já dengue com sinais de alarme baixou de 8.603, em 2016, para 1.913 em 2017.

Imprensa PMBV

Pâmela Simas Fogaça 47 99210-2889 3446-7745

bvimprensa@gmail.com


 © Copyright 2005 - 2020  redebv.com